Etiquetas

quarta-feira, 30 de abril de 2008

Opinar antes de estudar

Vemos muitos opinadores muito pouco profissionais. Isto é, dão a sua opinião sem terem estudado adequadamente a matéria.
Ou por falta de tempo, ou simplesmente porque não fazem ideia daquilo que estão a falar.
Falam sem conhecimento de causa e de matéria.
Isto acontece nos comentadores de politica, Direito e também na Blogosfera.
Antes de Opinar sobre algo ou comentar um determinado assunto é necessário rever a matéria.
  • Em primeiro lugar, fazer uma antevisão histórica da situação. Só assim podemos identificar quais as causas que levaram á realização daqueles acontecimentos.

  • Depois identificar os problemas concretos da situação.

  • E avaliar quais as consequências de tais actos no futuro e que implicações irão em determinadas pessoas ou factos.
Todos os dias somos confrontados com denominações do género. Perito, especialista, génio, comentador. Serão mesmo estes "ditos" qualificados para opinar sobre certa matéria?
E os caros amigos "estudam" antes de postar?

terça-feira, 29 de abril de 2008

Preceitos do Bushido - Código dos Samurais :
GI - Justiça e Moralidade Atitude direta, razão correta, decidir sem hesitar; YU - Coragem Bravura heróica; JIN - Compaixão Benevolência, simpatia, amor incondicional para com a humanidade; REI - Polidez e Cortesia Amabilidade; MAKOTO - SinceridadeVeracidade total, nunca mentir; MEIYO - Honra Glória; CHUGO - Dever e Lealdade Devoção, Lealdade.

segunda-feira, 28 de abril de 2008

O poder das manifestações

As manifestações são um meio que os cidadãos têm para protestar quando não concordam com alguma medida.
É talvez a unica forma de se fazerem ouvir.
A única e a mais viável. Pois de outra forma é dificil agirem perante o poder politico.
Como se vê na questão do Tibete, têm um efeito propangandístico enorme. Conseguem atrair a si a comunicação Social e a razão dos governantes.
Neste caso, na questão dos serviços de urgência e na Educação, as manifestações tiverem um efeito positivo. Ou seja, a população conseguiu através da revolta que os visados recuassem nas suas decisões. No caso dos professores isso foi visivel. A mega-manifestação teve um efeito mediático de grande porte. Dias depois, o objectivo daquela foi alcançado.
Em todo o mundo, as manifestações são uma forma de luta. De chamar a atenção de todos os variantes sociais.
É um poder enorme nas mãos dos cidadãos.

sábado, 26 de abril de 2008

25 de Abril

O que significou o 25 de ABRIL? Desde então a qualidade da Republica melhorou? Quem foram os grandes herois? É possivel imaginar o país sem a Revolução de Abril? Valeu a pena?

quinta-feira, 24 de abril de 2008

O regresso do menino guerreiro

Pedro Santana Lopes está de volta. Mas será que alguma vez esteve ausente?

Anunciou a candidatura à liderança do PSD, 3 anos depois dos portugueses o quererem afastado da vida politica nacional. Por números expressivos.

Afinal a liderança do grupo parlamentar social-democrata teve um propósito. A marcação do seu espaço para poder aproveitar a primeira oportunidade de liderança. Essa apareceu mais cedo do que se previa.

Porque regressou o menino guerreiro?

"por Portugal". disse ele.

fonte da fotografia (www.glosk.com)

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Uno di un ragazzi ha scritto in un tema: -
* “IO VIVO DOVE MI TROVO: SOTTO UN VIADOTTO, NELLA STRADA O SULLA SPIAGGIA. ANCHE SOTTO LA PIOGGIA! NON HO MAI AVUTO UNA CASA, IO. PERO’ MI IMMAGINO COME DOVREBBE ESSERE: ACCOGLIENTE, BELLA, CON LA FAMIGLIA VICINA. MOLTA GENTE SI LA MENTA PERCHE’ LA SUA CASA E’ PICCOLA, MA LORO ALMENO SONO AL SICURO. IO HO UNA CASA IMMENSA, GRANDE QUANTO LA MIA CITTA’, MA E’ FREDDA E PERICOLOSA”.
- (Dal tema in classe: “Dove vivi”)
- R.A.R.–15anni-
-----
-
Querem comentar???
Antes de ir :
Aceitei o convite do Francisco...
Ficarei por aqui algumas vezes...
Virei aqui todos os dias.... como já venho
Partilharei, se o desejarem, um pouco do sentir de quem se cruza com o Direito todos os dias.
Gostaria que pensassem comigo...e me ajudassem a pensar.
---------------

Ler

Hoje comemora-se o Dia Mundial do Livro.
A partir de agora, em quase todas as cidades vamos ter a oportunidade de comprar livros a preços baratos.
Sim, porque comprar um livro é muito caro. Nas grandes superficies e editoras o preço de um livro é por volta de 50euros.
Daí que a queda nas vendas se tenha acentuado. Neste dia importante para aqueles que leêm, e querem vender, era bom reflectir sobre isto.
Importa igualmente, atentar ao fraco "desempenho" que a leitura tem sobre os jovens portugueses. A leitura foi trocada pelos jogos de computador, MSN e videojogos.
De referir, que Paulo Teixeira Pinto anunciou que iria "reformular" a livraria Guimarães. É uma boa noticia para os amantes da literatura, depois da chegada da Byblos a Portugal.
Que razões para esta queda da leitura?
Deveria haver um consenso no preço dos livros?
Os meus amigos lêem muito ou preferem a Televisão e o computador?
Quais os livros que marcaram a vossa vida?

terça-feira, 22 de abril de 2008

Reforço vindo do Egipto

É com imensa satisfação que anuncio o novo elemento do Olhar Direito. Trata-se da Cleopatra que após muita insistência aceitou o convite para fazer parte dos "Escritores" deste blogue. A sua experiência vai beneficiar em muito a continuidade da discussão neste cantinho que é de todos os quantos fazem do Olhar Direito uma visita diária. A Cleopatra já vinha sendo uma "habitué" nos comentários mas desta vez vai tornar-se uma efectiva e engrandecer ainda mais este blogue que não pára de crescer. Graças à colaboração de todos.

Com este passo , caminhamos para um futuro risonho.

O nosso Planeta

Hoje é o dia Mundial da Terra. O nosso Planeta
É o unico que é habitavel. Que tem formas de vida. O unico em todo o sistema solar.
Como seria se tivessemos "vizinhos" de outros planetas? O que seria? Como viveriamos? E a pergunta da praxe é: Estaremos mesmo sozinhos?

Apesar de ser o unico planeta habitavel, está a ser destruido pelo Homem. Alterações climáticas, destruição dos glaciares, fome, pobreza, conflitos armados. Tudo isto faz com que a Terra seja cada vez mais inabitavel.

É impossivel vivermos na Terra sem isto?

segunda-feira, 21 de abril de 2008

Futura Presidente? Futura Primeira-Ministra?

Manuela Ferreira Leite vai avançar para uma candidatura à Presidência do PSD......
Com o apoio de Rui Rio e da grande maioria dos barões sociais-democratas.
Após meses de indecisão e recuos, Manuela Ferreira Leite decidiu candidatar-se
Esta candidatura representa não só uma alternativa fiavel de uma mudança de rumo no PSD, como uma possivel ruptura no sistema politico português. Será a segunda primeira-Ministra?
Se Ferreira Leite ganhar, Sócrates terá um adversário de peso como uma batalhadora e uma reformista.
E que vai pôr o PSD em sentido e com objectivos claros. Definindo os seus valores e principios.
Parece-me uma pessoa acertada
Concordam?
Terá capacidade para liderar um partido como o PSD?

sábado, 19 de abril de 2008

PSD: Que rumo e alternativa?

Vive tempos dificeis o PSD. E já não é de agora. Desde a queda de Santana Lopes que o partido fundado por Sá Carneiro anda sem rumo. E sem alternativa. Pior que isso sem lider. Tem presidentes mas sem carisma de lider.
E não se avizinham tempos fáceis.
Considero o PSD um partido de elites em que as pessoas procuram no essencial protagonismo. Politico e social. O PSD é um partido muito fechado. Pelo menos, tornou-se assim durante os ultimos anos. Fechado à sociedade, que não se preocupa com questões sociais; não interagindo com ela nem se preocupando em ser mais aberto. É fechado e destinado a grupos fechados em sim mesmo e que são pouco abertos á sociedade civil. Não "comunicando" cá para fora.
Normalmente para se chegar a líder do PSD, é necessário construir uma carreira politica que se inicia nas secções e distritais. As excepções são mesmo Cavaco Silva e Marques Mendes.
Não é mudança de lider (mais uma vez) que os problemas de fundo se vão resolver. Quem vier a liderar o partido até 2009, tem que o fazer de uma forma virada para fora e não para dentro. O PSD tem que novamente estar na rua.
Após o anuncio da demissão de Menezes, mais uma vez vieram muitos nomes á baila. Dois já estão assumidos. Mas fala-se de mais 4 ou 5. Ora, um lider não se vai encontrar nesta dança de nomes a Presidente Social-Democrata. A não ser que surja um nome forte, e os outros pretendentes retirem.
Porque o que falta neste momento ao PSD é de alguém que reuna consenso. Neste aspecto Rui Rio, Manuela Ferreira Leite, Marcelo e Pedro Passos Coelho têm fortes hipoteses de ganhar não só a presidência mas também o consenso. Podendo "trabalhar" sossegadamente.
Talvez estas eleições serão decisivas para o futuro do PSD. Porque não está a escolher apenas um lider, mas muito possivelmente um Primeiro-Ministro para 2012.
O PSD tem que voltar a defender os valores pelo qual foi fundado. Sobre uma Social-Democracia assente em preocupações sociais como o desemprego, reforma e igualdade. Mas tendo em relação á economia uma razão mais liberal. Como a diminuição do poder do Estado em sectores essenciais. Deixando aos privados a condução dessas politicas.
É este o rumo do PSD no futuro.
Para que constitua uma boa alternativa hoje e uma solução amanhâ.

sexta-feira, 18 de abril de 2008

Momentos Sociais-Democratas II

Luis Filipe Menezes convocou eleições directas.
Demitindo-se do cargo de Presidente do PSD. Isto depois de anunciada a intenção de Aguiar Branco candidatar-se a lider laranja. E com a sombra de Pedro Passos Coelho há muito tempo a incomodar.
Durou 7 meses o reinado de Menezes. Pelo menos o primeiro. Muito menos tempo do que Marques Mendes.
É caso para dizer que Menezes fez tudo mal. Desde as escolhas dos seus colaboradores até ao apoio inequivoco a Santana Lopes como lider da bancada Parlamentar. Também é uma vitima de si próprio. Não gostou de lhe terem feito o que fez a Marques Mendes. Aprendeu (ou não) que na politica (como na vida) há que ser correcto.
Mas será que Menezes não vai recandidatar-se?
Quem serão os futuros candidatos? Qual o melhor colocado para ganhar estas novas directas? E que ganha Socrates com isto tudo?
Será caso para dizer que aconteceu o que se estava á espera.
Agora resta esperar e ver o que acontece......
Porque muito vai acontecer para ler, ouvir e comentar......
A não perder!

quarta-feira, 16 de abril de 2008

O Discipulo de Mussoulini

Silvio Berlusconi venceu as ultimas eleições legislativas italianas.
É o regresso. O terceiro.
Silvio é um digno representante da velha Direita italiana e também Europeia. É o politico europeu que mais representa antigos ditadores fascistas. Como Salazar e Mussoulini.
Com Berlusconi no poder, voltam as interferências na Comunicação Social, no parlamento italiano e também no histórico clube de futebol AC Milan.
Prodi esteve no poder enquanto Berlusconi quis. Este saiu de cena durante uns meses, mas depois veio para ficar.
É caso para dizer que Silvio andou a tirar umas férias para voltar mais queimado.
Como consegue Berlusconi controlar o poder em Itália, derrubar governos democraticamente eleitos, estar "por fora", mas "dentro"; no fundo, voltar e ganhar novamente eleições. E ser novamente detentore do "Imperium".
Será um discipulo de Mussoulini?

terça-feira, 15 de abril de 2008

Estilo ou necessidade?

Usar óculos de sol é um hábito muito português.
Mesmo em dias de chuva, vemos muitas pessoas com o dito.
Muitas vezes perguntamos se com os óculos de sol, ficamos mais escondidos. Podendo olhar para onde quisermos sem sermos notados.
Como que usá-los para "esconder" os olhos.
Também serve para a pessoa ficar com mais estilo ou melhor aparência.
Mas por vezes, os óculos de sol protegem-nos do sol. Há quem diga que o Sol atinge os olhos e para que não "fiquemos" cegos temos que usar óculos.
Em que ficamos?
Usamos Óculos de sol por causa do estilo ou mesmo por necessidade?
Será também uma protecção?

domingo, 13 de abril de 2008

Apague-se a chama?

O percurso da tocha olimpica tem sido atribulado.
Tudo por causa dos acontecimentos relacionados com a China e o Tibete.
O Mundo inteiro está a tentar usar os Jogos Olimpicos para fazer politica.
Querem castigar a China com os "piores Jogos Olimpicos" de sempre.
Houve até quem sugerisse o boicote total aos Jogos de Verão.
Pena de quem sonha com os Jogos. O momento alto da carreira desportiva de um atleta. O sonho de ganhar uma medalha, pode ser destruido porque alguns confundem "desporto" e "política".
Deveriam os Senhores Presidentes dos Países, ter cuidado com aquilo que dizem. Ou não misturar as coisas.
Uma coisa são os problemas que a China tem(já vem de algum tempo...) e o facto de na China se realizar o maior acontecimento desportivo.
A pergunta é óbvia.....
Apague-se a chama?
Boicote?

Os 4 Grandes Norte-Americanos

Nesta fotografia estão 4 grandes Presidentes Norte-Americanos
George Washington, Thomas Jefferson, Theodore Roosevelt, Abraham Lincoln

Caso pudessemos "imitar" os Norte-Americanos; que personalidades portuguesas escolheriam para figurar na rocha?

E em que sitio a esculpiam?

sábado, 12 de abril de 2008

Ponto de Mira

Um filme emocionante. Tem como pano de fundo a relação EUA\terrorismo...... Como reagiria o mundo a um eventual assassinio do Presidente dos EUA? (seja ele qual for)

quinta-feira, 10 de abril de 2008

Um pouco de poesia

Um dia decidi pegar num papel e numa caneta e escrever para mim.

Escrevia para mim o que sentia, os presentes que a vida me dava…as minhas mágoas.

Depois pensei e decidi ir mais além e escrever também sobre o que os outros sentiam.

E ia escrevendo assim nesses meus dias.

Mais tarde, quando a caneta já empancava no papel, percebi que deveria alargar a minha escrita para além das sensações e utilizar os sentidos.

Então escrevia vendo, cheirando e apalpando e ia prosseguindo a minha viagem a um ritmo mais acelerado.

Oh, quantos quilómetros não percorri!

Hoje entrego-te tudo.

Talvez meia dúzia de páginas ou até umas cem. Conserva-as, copia-as…divulga-as! Mas fá-las seguir em frente, não as traves, porque eu hoje percebi porque escrevi…não foi para mim, mas sim para ti.

Escrever é preencher com tinta as linhas vazias da vida…

Texto de Vera Ribeiro

quarta-feira, 9 de abril de 2008

First Man Show

É caso para dizer que ninguém consegue ter mais tempo de antena do que ele.
Falamos de José Socrates. Sim, esse mesmo. O Primeiro-Ministro do nosso país.
Não. Não se trata de um concurso televisivo em que o nosso Primeiro vai entrar. Nem terá um espaço para comentar no grande ecrã.
Porque simplesmente não precisa.
Socrates bate tudo e todos em termos de tempo de antena e notícias. Principalmente em horário nobre.
Inaugura Auto-Estradas, apresenta Planos Tecnológicos, entrega Computadores, concede programas ambientais. É um verdadeiro corredor de fundo.
Não há dia em que o Primeiro-Ministro não apareça na televisão a anunciar algo de novo. Uma obra nova ou um plano diferente. Tudo em prol do desenvolvimento do país.
Se fizermos uma contagem do número de vezes que Socrates apareceu na Televisão a inaugurar seja o que for, já tinha o titulo sido entregue.
Já no tempo de Pedro Santana Lopes acontecia a mesma coisa.
A personificação ou vanglorização dos chefes de Governo através dos Media.
Estarão os politicos (nomeadamente, os PM´s) reféns do Quarto Poder?
Porque acontece esta permanente utilização dos media para conquistar votos?
A mensagem através de panfletos, comícios e outdoors já está gasta?

terça-feira, 8 de abril de 2008

Made IN Portugal

Este mês de Abril assinala a realização de três eventos desportivos em Portugal.
No fim-de-semana passado realizou-se o Open de Portugal em Golfe
Neste próximo acontece o Grande Prémio de Motociclismo
E na próxima semana temos o Estoril Open em Ténis.
Portugal tem tradição em grandes eventos. De boa organização, boa afluência e também tem responsabilidades no lançamento de carreiras promissoras e com êxitos.
À parte, muitas pessoas aproveitam estes acontecimentos para "socializar". Para se darem a conhecer ao "mundo", não através da sua paixão pelo desporto em causa. Não pelo entusiasmo da competição, mas apenas e só para "aparecer" na revista ou estar presente na famosa "Zona Vip".
Mas estes acontecimentos desportivos servem essencialmente para promover o País. Para mostrar o que Portugal tem de bom.
É o ideal para lançar o nosso turismo. E a nossa cultura.
Durante este mês, Portugal vai andar na boca dos golfistas, motociclistas e tenistas. Não só a competição em si vai ser falada, mas também tudo o que envolve a organização deste tipo de eventos.
Por isso, se deve preservar a continuidade destas competições no nosso país e não matá-las como já fizeram por exemplo com a Fórmula 1.
A bem do país e do desporto.

segunda-feira, 7 de abril de 2008

Morte de Diana: Perguntas e Respostas

Foi hoje anunciado o resultado da investigação da morte da Princesa Diana.
Segundo a policia tratou-se de Homicídio por negligência.
Quase dez anos após a morte da princesa, é finalmente revelado as causas da sua morte.
Durante anos a tese de assassinio e conspiração ganhou um estatuto sério.
Tudo porque se trata de um figura publica. E assim sendo, há que atirar as culpas para aqueles que apenas fazem o seu trabalho. Nem sempre da forma adequada, mas nunca ao ponto de "assassinar" uma estrela.
O que aconteceu foi uma falta de cuidado por quem transportava tão ilustre figura.
Mas esta novela não ficará por aqui......
Enquanto se falar de Diana, este acidente vai voltar ás discussões. Até porque a Princesa do Povo ficará no coração de milhões de pessoas. E debater o dia do acidente, será recordá-la.
Acidente ou Homicidio?
Em que acreditam?

domingo, 6 de abril de 2008

A importancia do Telemovel

Que seria da nossa vida sem o telemovel?
Desde a sua chegada que o telemovel faz parte da nossa vida. Sem ele não poderiamos contactar com milhares de pessoas.
Começando pelos milhões de sms que mandamos até às inumeras chamadas que fazemos no dia-a-dia.
Se perdermos um telemovel, ficamos sem "a nossa base" de contactos e conhecimentos.
Até podemos ter um contacto de uma pessoa que não conhecemos, mas o facto de ficarmos com o "numero" dela, faz com que essa pessoa faça parte do nosso universo.
Para além de fazer chamadas, o telemovel também pode servir como agenda, para viajar na net, tirar notas, guardas fotografias, fazer filmes. Daí que o telemovel tenha mais uso e importância do que simplesmente telefonar. E se ficarmos com uma mensagem importante? onde guardar? No telemovel, claro.
E o que seria hoje das operadoras?
Estas praticamente "vivem" da publicidade e da novidade. Apresentam anuncios "viciantes" relacionados com telemoveis. Sempre um diferente e com novas opções.
Qual a importancia do telemovel? Como ficavam se tivessem que "viver" sem ele?
É possivel "contactar" sem este aparelho?

sexta-feira, 4 de abril de 2008

Zimbabwe, que futuro?

Parece que a situação no Zimbabwe alterou-se. Em poucas horas, a provavel queda de Robert Mugabe transformou-se numa miragem. Ou num sonho.......
Ainda sem resultados oficiais, para quando?; os assessores de Mugabe já vieram dizer que este pretende candidatar-se a uma segunda volta nas eleições presidenciais. Ora, há dias atrás ouvimos que o ditador tinha perdido as eleições presidenciais. É um facto, no mínimo estranho.....
A tensão em Harare cresce e os partidos da oposição que venceram não podem fazer nada.
Porque é que a Comunidade Internacional não reage? Aonde estão os EUA desta vez?
Mugabe diz que vai ficar no poder até "morrer". Quais as vantagens? Então porquê realizar eleições?
Penso que o poder das eleições tem que ser superior a ditaduras. Ou a Estadias Permanentes no Poder. Esta semana no Zimbabwe, a população expressou a sua vontade de mudança para um regime democrático. A oposição venceu, mas o governo não aceitou a derrota e recorreu ás armas para "aguentar" a situação enquanto arranja uma saída.
Até quando e o porquê desta situação de comodismo no poder durante 28 anos é o que se pergunta......................

quinta-feira, 3 de abril de 2008

Reino de Portugal

A Monarquia sempre fará parte da nossa história.
Desde 1143 até 1910, foram os Reis que fizeram de Portugal um país lutador, respeitado, autoritário e conhecido.
Desde a bravura de Afonso Henriques, passando pelos descobrimentos, a vitória em Aljubarrota até à expulsão dos franceses e ingleses.
Tudo isto foi conquistado durante a monarquia.
Não poderemos vivê-la no futuro?
A Monarquia, nomeadamente sob forma Constitucional tem inumeras vantagens.
Desde a estabilidade governativa, apenas havendo sucessão após a renúncia. O Rei funcionava como Chefe de Estado, não tendo qualquer função executiva. Não seria uma figura decorativa mas um vigilante.
Como funciona em Espanha.
O poder de um Rei seria necessariamente mais respeitado do que um Presidente da Republica. Pelo menos teria essa força popular.
Um Rei poderia ser eleito. Não haveria qualquer problema em relação a isso.
Um dia ainda havemos de gritar "vivó Rei....."

quarta-feira, 2 de abril de 2008

Fim do martirio?

As mudanças estão a acontecer no Zimbabwe.
Segundo noticias, o lider Robert Mugabe, há 28 anos no poder, pode ter perdido as eleições presidenciais, logo na primeira volta. De certo, que perdeu a maioria que detinha no Parlamento Zimbabwense.
Este facto é uma derrota para o ditador Mugabe.

Se acontecer a previsivel derrota de Mugabe, chegará a tão esperada mudança naquele país Africano? 28 anos depois?

Será que a força das eleições consegue derrubar os grandes lideres? até os ditadores que se perpetuam no poder durante largos anos?

terça-feira, 1 de abril de 2008

Republica Centenária

Será que a Republica trouxe vantagens para o nosso país?
Após a queda da Monarquia, em 1910 foi instaurada a República.
Estava à vista um novo regime politico. Em que dominava um sistema de partidos, com eleições directas e por sufrágio universal.
Tudo isto não foi conquistado de um dia para o outro, mas durante os 98 anos de Republica.
A Republica serve para sustentar e "convidar" os cidadãos e participarem na vida politica. Cabe a eles decidirem quem ocupam os orgãos de Estado.
Ao contrário da Monarquia. Em que existe uma sucessão de pai para filho.
Daí que a maior parte dos Regimes politicos no Mundo sejam Republicas. A Monarquia está em decadência e funcionam mal.
Com a Republica assegura-se a transparência e a rotatividade nos cargos públicos. A bem de Portugal. E cabe ao povo a ultima decisão.
Decisão essa que está salvaguardada e protegida por uma Constituição.
Que garante a sobrevivência e democraticidade dos cargos do Estado.
Assegura, a Republica uma maior participação de todos na vida cívica. Daqueles que são eleitos e dos que elegem. Assim os centros de decisão não estão centrados numa unica pessoa ou num "centro" de poder.
O poder está repartido e conserva a democraticidade.
A história da nossa Republica faz-se de complicações, transformações de regime e agora de estabilidade.
É o regime que melhor se adequa a Portugal. Outro não poderia ser.
Por tudo o que foi dito, a Republica garante a sobrevivência do nosso sistema politico.
Share Button