segunda-feira, 19 de março de 2012

Barómetro Político - Qual o melhor lider?

Continuamos a análise ao Barómetro Político OLHAR DIREITO, com uma nova questão:

Qual o melhor lider partidário?

Nesta questão, temos de estabelecer duas diferenças : Os lideres que estão no governo e por isso o seu trabalho é avaliado como um todo, e os lideres que estão no Parlamento na Oposição.

Há aqui uma verdadeira supresa, à semelhança do que aconteceu com a anterior questão. Aqui Paulo Portas e Pedro Passos Coelho, os dois lideres dos partidos da maioria governamental estão coladinhos um ao outro, com vantagem para o Presidente do CDS. Não sei se é por estar muito caladinho mas Portas reune 37%(18 votos) contra 32% (17 votos) de Passos Coelho. É mais um sinal positivo que o Governo tem actuado de forma positiva para os leitores do blogue. Apesar da contestação (ainda pouca) ao Executivo, os dois partidos têm conseguido evitar divergências na praça publica. E isso tem contribuido para uma maioria sólida e eficaz.

Os lideres da Oposição estão bastante atrás nesta votação. António José Seguro reune apenas 15% (8 votos). De facto, a prestação do lider socialista tem deixado a desejar muito por culpa das várias contradições em relação ao memorando da troika, mas também porque a sombra de Socrates e o fantasma de António Costa pairam na bancada parlamentar socialista. Seguro tem que se preocupar com Paris e agora mais recentemente com Lisboa. O mais gritante na sua liderança é o facto de mudar de opinião em relação às medidas de austeridade assinadas pelo PS. O actual Secretário-Geral chegou mesmo a afirmar que não foi ele que assinou o memorando. Ora, um lider responsável não pode dizer isto.

Jerónimo e Louçâ estão muito próximos. O Comunista com 11% (6 votos) e o Coordenador do Bloco tem 5% ( 3 votos). Com uma maioria de Direita no Parlamento, a esquerda radical tem mais dificuldade em impôr-se e já nem Louçã tem a capacidade para enfrentar PPC como fazia com Socrates. Mudam os politicos e as politicas também.

A confiança dada aos lideres da maioria é importante. Não só porque reconhecem mérito na recuperação do país, mas sobretudo por causa do discurso. Tanto Passos Coelho como Portas estão empenhadas a ajudar Portugal a sair desta situação.

Analisaremos a actuação do governo na próxima questão do Barómetro Politico OLHAR DIREITO.

Sem comentários:

Share Button